A PRODUÇÃO ARTESANAL GUARANI MBYA

Na Tekoá Koenju (Aldeia Alvorecer), a comunidade guarani mbya vive intensamente suas percepções religiosas. Um dia, um raio caiu em uma árvore, entre a mata.

 

Os rezadores trataram de interpretar se havia sido um espírito bom ou ruim que atingiu a árvore. O Karaí Tataendi Solano, teve um sonho na noite em que o raio caiu na tekoá, e atingiu a árvore. No sonho, o Nhanderú lhe pediu para que construísse uma Opy (Casa de Reza). Conduzidos pelas lideranças espirituais, a comunidade guarani começou a coletar madeiras para iniciar a construção da Opy. Pauliciana, que era Kunhã-Karaí (liderança espiritual), quis fazer colares para os homens, através da madeira da árvore atingida pelo raio. Ela revelou isso calmamente, durante o cozimento de algum alimento.

 

A madeira da árvore que foi atingida pelo raio, passou a ter ligação com os deuses, pois foi Tupã que se manifestou, mandando um sinal para os guarani. As Kunhã Karaí são as lideranças espirituais femininas, anciãs experientes responsáveis por manter o contato com os deuses e interpretar suas mensagens, através das rezas, da interpretação dos sonhos, e dos acontecimentos cotidianos. Por consequência, são responsáveis pela proteção espiritual da aldeia, precisando realizar as atividades necessárias para isso. Por isso Pauliciana quis um pedaço da madeira, para confeccionar artesanatos e proteger a aldeia. Os artesanatos produzidos pelos povos guarani mbya estão relacionados à cosmologia destes povos, de diversas maneiras: através dos seus usos, dos significados, e do próprio processo de produção, dependendo do tipo de artesanato. Mas o que são os artesanatos guarani?

[info_circle edge_radius=”80″ start_degree=”90″ eg_padding=”60″ icon_size=”32″ icon_show=”not-show” content_bg=”#ffff00″ eg_br_style=”solid” eg_br_width=”2″ eg_border_color=”#cccccc” highlight_style=”info-circle-push” icon_launch=”easeOutBounce” icon_launch_duration=”1″ icon_launch_delay=”0.2″ responsive=”off”][info_circle_item icon_type=”custom” info_img=”id^723|url^https://historiaeculturaguarani.org/wp-content/uploads/2016/12/ap011.png|caption^null|alt^null|title^ap011|description^null” icon_bg_color=”#ffff00″ ilink=”url:http%3A%2F%2Fhistoriaeculturaguarani.org%2Fo-que-sao-os-artesanatos-mbya-guarani%2F||target:%20_blank|”]O que são os artesanatos Mbya Guarani?[/info_circle_item][info_circle_item icon_type=”custom” info_img=”id^732|url^https://historiaeculturaguarani.org/wp-content/uploads/2016/12/ap021.png|caption^null|alt^null|title^ap021|description^null” icon_bg_color=”#ffff00″ ilink=”url:http%3A%2F%2Fhistoriaeculturaguarani.org%2Fartesanato-transmissao-e-atualizacao-dos-saberes%2F||target:%20_blank|”]Artesanato: transmissão e atualização dos saberes[/info_circle_item][info_circle_item icon_type=”custom” info_img=”id^739|url^https://historiaeculturaguarani.org/wp-content/uploads/2017/01/ap031.png|caption^null|alt^null|title^ap031|description^null” icon_bg_color=”#ffff00″ ilink=”url:http%3A%2F%2Fhistoriaeculturaguarani.org%2Ffuncoes-sagradas-do-cachimbo-e-colares%2F||target:%20_blank|”]Funções sagradas do cachimbo e colares[/info_circle_item][info_circle_item icon_type=”custom” info_img=”id^746|url^https://historiaeculturaguarani.org/wp-content/uploads/2017/01/ap041.png|caption^null|alt^null|title^ap041|description^null” icon_bg_color=”#ffff00″ ilink=”url:http%3A%2F%2Fhistoriaeculturaguarani.org%2Ffuncoes-de-artesanatos-no-nhemongarai-batismo%2F||target:%20_blank|”]Funções de artesanatos no Nhemongaraí (batismo)[/info_circle_item][info_circle_item icon_type=”custom” info_img=”id^778|url^https://historiaeculturaguarani.org/wp-content/uploads/2016/11/ap051.png|caption^null|alt^null|title^ap051|description^null” icon_bg_color=”#ffff00″ ilink=”url:http%3A%2F%2Fhistoriaeculturaguarani.org%2Fartesanato-e-territorialidade%2F||target:%20_blank|”]Artesanato e Territorialidade[/info_circle_item][/info_circle]